Buscar
  • Por revistanelore

Pastagem mais eficiente

Grupo Matsuda desenvolve semente que visa otimizar ainda mais o plantio e formação da pastagem para que o pecuarista tenha, cada vez mais, melhore o desempenho do rebanho.



O mundo está em constante evolução, seja no modelo de vida ou de consumo, o que traz novos hábitos e a necessidade de novas tecnologias adaptadas às exigências do mercado. E assim como todos os setores da economia evoluem, o agronegócio também necessita de inovações, tanto em técnicas de conservação de solo, aplicação de agroquímicos, mas também dos insumos utilizados.


E nesse contexto, a semente forrageira, sem dúvida, tem um papel importante, pois ela é a base de todo o processo de formação da pastagem. É por meio da semente que o produtor irá incorporar fungicidas, inseticidas, agentes biológicos, entre outros, que irão proporcionar um crescimento adequado e uma pastagem produtiva e homogênea.


Antenado às necessidades do agronegócio, o Grupo Matsuda em parceria com a Incotec, empresa líder do mercado de tratamento e revestimento de sementes em vários países, desenvolveu a semente incrustada Série GOLD+, que visa otimizar ainda mais o plantio e formação da pastagem para que o pecuarista tenha, cada vez mais, melhore o desempenho do rebanho.


“A Série GOLD+ é a evolução da renomada tecnologia de revestimento de sementes Série GOLD, que há anos vem sendo utilizada e aprovada pelo mercado. São sementes com alta pureza, escarificadas, tratadas com fungicida e inseticida (opcional) e que recebem um novo material de revestimento”, explica Pedro Henrique Lopes Lorençoni, engenheiro agrônomo e responsável pelo laboratório de controle de qualidade do Grupo Matsuda.

Segundo ele, as sementes da Série GOLD+ levam ao produtor rural melhorias como, mais plantabilidade, ou seja, podem ser utilizadas em diversos tipos de semeadoras (a lanço ou em linha) e mais resistência a pequenos impactos, pois a composição do novo material de revestimento proporciona uma maior flexibilidade à incrustação, o que é capaz de absorver melhor pequenos impactos durante o plantio sem quebrar. Com base no dia a dia do campo e da produção, a Série Gold + foi desenvolvida para reduzir os riscos de embuchamento.


Elas apresentam mais fluidez, facilitando a regulagem das semeadoras e mantendo a uniformidade na distribuição das sementes, com uma superfície mais lisa e uniforme, resultando num melhor acabamento. Juntando todas essas melhorias, a Série GOLD+ traz mais eficiência, pois a interação desse novo material de revestimento com a umidade do solo favorece a germinação das sementes. “Lembrando que, assim como a Série GOLD, a Série GOLD+ também possui macro e micro minerais que auxiliam no desenvolvimento inicial das plântulas”, destaca Lorençoni.


Reportagem publicada na edição de dezembro de 2021 da revistanelore. Leia a edição completa AQUI.